Ponto de encontro da turma da noite de antropologia, do ISCTE, 2001-2005
Sexta-feira, 30 de Setembro de 2005
Os índios da Meia-praia ou para acabar de vez com as férias algarvias
Pode-se ficar logo à saída de Lagos, pode-se ir até um pouco mais à frente, ou ainda mais além... a expectativa que ele tinha a partir da vaga recordação de umas férias de infância confirmava-se: a Meia-praia é com efeito um dos maiores e mais belos areais do Algarve.
Ao chegar à praia o extenso areal e a imensidão do mar deslumbraram-no. Convenceu-se de que a Meia-praia não era uma praia qualquer. A evocação de uma memória longínqua de infância e as múltiplas ideias convocadas pela imaginação sonhadora reforçaram-lhe a convicção.
Deparou-se com as pequenas áreas concessionadas, a espaços, onde abundavam os “tropicais” chapéus de palha e as camas articuladas, que pareciam tabuleiros em que os veraneantes se dispunham para o “forno”. Não se lembrava dessa imagem na sua anterior passagem pela praia. Despertou para a realidade e lembrou-se que foi anunciado para breve um fenomenal aumento da oferta hoteleira na Meia-praia. Os não muitos hotéis que hoje existem na área, para lá da linha e da estrada, em breve poderão ser multiplicados, dando lugar aos famosos “resorts, “beach clubs”, etc.. A simples imagem dessa bárbara invasão de um dos últimos recantos da costa algarvia aterrorizou-o. O que será feito da Meia-praia?
Levantou-se da toalha, foi dar uma volta demorada pelo areal imenso e no regresso tomou um banho refrescante. Deu um último mergulho e ao sair da água sentiu-se invadido por uma esperança infinita e absurda. Ocorreu-lhe que por sobre tudo talvez “nada apague a nobreza dos índios da Meia-praia”. (Zé Paulo)


publicado por antmarte às 11:30
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito

Quarta-feira, 28 de Setembro de 2005
A fama que vem de longe
Para contribuir para o activismo político do Dr. Ferraz e para o revivalismo literário do Zé Paulo, que nos citou um António Aleixo sempre actual, gostava de vos recordar um texto de 1915 que retrata bem o que se tem passado na política nos últimos anos, décadas, sei lá. Ao que parece a fama já vem de longe…

“PORTUGAL QUE COM TODOS ESTES SENHORES CONSEGUIU A CLASSIFICAÇÃO DO PAIZ MAIS ATRAZADO DA EUROPA E DE TODO O MUNDO ! O PAIZ MAIS SELVAGEM DE TODAS AS AFRICAS ! O EXILIO DOS DEGREDADOS E DOS INDIFERENTES! A AFRICA RECLUSA DOS EUROPEUS ! O ENTULHO DAS DESVANTAGENS E DOS SOBEJOS ! PORTUGAL HÁ-DE ABRIR OS OLHOS UM DIA – SE É QUE A SUA CEGUEIRA NÃO É INCURÁVEL E ENTÃO GRITARÁ COMMIGO, A MEU LADO, A NECESSIDADE QUE PORTUGAL TEM DE SER QUALQUER COISA DE MAIS ASSEIADO !”
José de Almada-Negreiros in “Manifesto Anti-Dantas e por extenso”
Basta Pum Basta !
Um abraço. Sérgio Fonseca
Pim !


publicado por antmarte às 02:28
link do post | comentar | favorito

Terça-feira, 27 de Setembro de 2005
Esta ideia que vos deixo ou ainda acerca de umas férias algarvias
Nas voltas que dei nestas férias “cruzei-me”com um curioso personagem, daqueles que sempre nos deixam alguma ideia em que pensar, no fim de um encontro.
A propósito da nossa aventura antropológica, penso que um recém-licenciado é sempre alguém legitimamente orgulhoso do seu feito, merecedor de honras e glórias pelo sucesso alcançado. Mas nesta terra em que “doutor” é uma expressão tão equívoca, bom seria, talvez, que por sobre tudo ninguém esquecesse a sua natural condição, “humana, demasiado humana”. Foi esta a reflexão que me ocorreu, da leitura desta simples quadra, que não me pareceu despropositado partilhar convosco…
“Uma mosca sem valor
poisa c’o a mesma alegria
na careca de um doutor
como em qualquer porcaria” – António Aleixo
Uma abraço amigo! (Zé Paulo)


publicado por antmarte às 22:38
link do post | comentar | favorito

Domingo, 25 de Setembro de 2005
Candidatos Avancem. Janeiro de 2006 é Já Ali
Finalmente uma boa noticia. Os ciclones que varrem os EUA estão a fazer mover “moinhos de vento” em Portugal.

Mário Soares o auto proclamado patriarca e salvador da pátria, republicano mas monárquico q.b. quando é preciso, avançou. Felizmente ainda tem próstata que, para o período que se aproxima é capaz de ainda dar muito jeito. Já ouvi falar da massagem ou magistratura de influência. Olá o que é.!?
O Sr. Louçã oh espanto meu, generoso com o social fascismo, entendido sobre todas as matérias, da economia ao su Duku. Prosador virulento, magnânimo na prosápia, especialista em arte gay, abortos e, ofícios correlativos e artes afins, também avançou. Claro que sendo eleito, Bush não vai poder dormir descansado. Já Alexandre Herculano pode descansar em paz. O paladino da intriga politica é putativo candidato. Herculano tens aqui o teu D. Bibas.
Jerónimo de Sousa cumpre. Vai até ao fim, de Dezembro. Depois, qual Amália Rodrigues, deixa o palco até que a voz se apague.
Manuel Alegre o candidato da angustia. Como entendo essa dor de alma. Não devias ter-te candidatado. Porque não perguntas-te primeiro «ao vento que passa, notícias do teu país, será que o vento cala a desgraça, e o vento nada te diz?»
“Pergunto à gente que passa, por que vai de olhos no chão. Silêncio -- é tudo o que tem, quem vive na servidão”
“Mas há sempre uma candeia, dentro da própria desgraça, há sempre alguém que semeia canções no vento que passa”. Pois é Manuel Alegre, esta não é definitivamente a eira para a tua colheita.
Aguardo ansiosamente que Almeida Santos - já tem idade para isso, 79 -, também avance. Dá sempre jeito ter alguém que amiúde recorde Salazar, quiçá algum???. Almeida que se guindou a eterno vigilante, no decisor, no que determina quem é ou não democrata. Se não for este homem da “exemplar descolonização” para catalogar, de perigosos fascistas, tudo o que respire, à volta do seu séquito de correligionários, quem iríamos encontrar?
Vasco Lourenço também deve avançar. Nunca se sabe quando não é necessário que o dono do 25 de Abril volte a pegar em armas. Candidata-te pá! Ta bem pá!
Manuel Maria Carrilho também deve avançar. Por indisponibilidade de momento de Castelo Branco. Nesta eleição, por quotas, será o representante dos metrosexuais. A campanha sem a sua petulância, chauvinismo e o narcisismo, seria uma chatice. E nos comícios, será sempre possível, colocar todos nós, em ululante coro entoando! És tão boa, és tão boa.!!
Finalmente a Sr.ª dona Fátima Felgueiras. Sublime. Candidata-se pela quota das mulheres. È a representante dos valores, dos costumes, do carácter, da arte de bem gerir fortunas. Senão ganhar nós permitiremos um novo estágio probatório no Rio de Janeiro.

Mas par que tudo isto não resulte num fiasco convêm arranjar alguém que ajude à catarse de indigentes candidatos.

Pedro Santana Lopes não serve. Já apanhou muito, ainda está dorido. Mas amigo, espero que um dia destes regresses.
Estou a lembrar-me de Cavaco Silva. Este Homem deixa-me perplexo. Ainda não disse o que queria. Ainda está muito a tempo de dizer o que quer, quando quer sem ser a reboque dos assalariados da TV, jornais e da cassete.
Todos clamam pelo Professor, todos querem desesperadamente derrota-lo.

CAVACO candidata-te, tens de ser derrotado.

Só assim se aliviam as frustrações de candidatos papagaios, petulantes e medíocres. São candidatos para derrotar alguém, quais guerrilheiros do apocalipse. Depois de bem derrotado, teremos muito tempo para pensar no que é isso de ser Presidente de todos os Portugueses. Primeiro a nossa vaidade, a nossa fútil ambição pessoal desmesurada. A afirmação do lobby. O que representa ser a primeira figura de Estado, ser o orgulho de todos os Portugueses, a imagem de um Portugal moderno? Coisas menores para tanta vaidade e incompetência.
Os patriarcas, os poetas salvadores e papagaios predadores todos sonhadores com um lugar em Belém. Em nome de um Povo que não que vota sem saber porquê. Se o fantasma Cavaco Silva assola as mentes medianas como irão reagir quando deixar de deixar de ser candidato?
Falta pouco. Aníbal Cavaco Silva será candidato e Presidente para bem dos Portugueses.

A saga continua. jferraz@iol.pt


publicado por antmarte às 21:14
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito

Lar de Idosos
Com a candidatura de Mário Soares (81) com a candidatura de Manuel Alegre (69) se Almeida santos (79) se candidatar, temos obrigação de apoiar também a candidatura de Raul Iturra e fazer do palácio de Belém um lar de idosos. Depois, nomeávamos o Zé Paulo como professor de hermenêutica de tão distinta classe. O Sérgio seria o fotógrafo de serviço e eu, determinantemente recuso ser o Chefe Pele de Leopardo. jferraz@iol.pt


publicado por antmarte às 04:10
link do post | comentar | favorito

Terça-feira, 20 de Setembro de 2005
Acerca do relativismo ou o regresso de férias
(se é que ainda há alguém desse lado…)

Relativismo é… os meteorologistas preverem céu pouco nebulado ou limpo, vento fraco… e logo no primeiro dia de férias na praia um gajo ser assolado por umas irritantes nuvens que às vezes encobrem o sol e uma ventania dos diabos!
Tudo há-de melhorar, enfim, as férias hão-de ser boas e revitalizantes, como sempre, e no fim o sentimento do relativismo irromperá de novo: “mas porque será que o tempo em férias parece passar muito mais depressa do que no trabalho?!” Mas esta é uma questão já muito debatida, a da relatividade do tempo… (Zé Paulo)


publicado por antmarte às 00:49
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito

Segunda-feira, 5 de Setembro de 2005
"Vou ali e já venho"
Nos próximos dias vou concentrar-me e tentar “acertar as contas” com os exames lá do ISCTE.
Depois vou de férias, levar o corpo a banhos, o espírito a descansar e o cérebro a arejar.
É assim provável que nos tempos mais próximos não apareça por aqui. Conto por isso que os meus camaradas e amigos continuem a “segurar o barco” como têm feito, mantendo sempre a rota desta nossa viagem para nenhures... sejam os participantes mais habituais (mormente Jorge na escrita, Isabeis nos comentários e Ferraz nos disparates...), sejam tantos outros que ainda não apareceram, será muito agradável reencontrá-los a todos de novo, no regresso.
Um abraço e até já! (Zé Paulo)


publicado por antmarte às 17:37
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito

Expandir horizontes
Por escassez de tempo e de imaginação não tenho hoje qualquer assunto para escrever algo aqui. No entanto, faço deste vazio uma oportunidade de expandirmos horizontes, divulgando dois blogs que talvez até possam já ser vossos conhecidos, mas que merecem sempre a nossa visita.
Em www.joseraposo.blogspot.com poderão encontrar um grande e velho amigo meu, que também já nos tem visitado aqui. O Raposo é um colega de há muito (desde a 4ª classe...) e um amigo de sempre. Entre a variedade de temas e questões que se podem encontrar no seu blog, o debate político assume às vezes a preponderância, não fosse o meu amigo um verdadeiro “animal político”. De vez em quando também apareço por lá com comentários e prevejo que daqui a uns anos os dois façamos uma dupla assim do tipo dos velhos dos Marretas, juntos lá no seu canto, um a dizer “mata” e o outro “esfola”...
Imperdível é a visita a www.tradicionalis.blogspot.com. Para quem não conheça ainda, trata-se de um espaço muito interessante, com objectivos de preservação do património português. Não adianto mais nada, apenas acrescento que encontrarão nesse blog uma agradável surpresa, ou não tanto, porque não é surpresa que alguém nosso conhecido tivesse uma tão boa ideia assim. É como se fosse “música para os nossos ouvidos”... (Zé Paulo)


publicado por antmarte às 11:06
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito

Regresso ás aulas
Para os mais distraidos informo que as aulas começam dia 19 de setembro. Este ano o vosso querido delegado não vai apresentar trabalho de férias para distribuir no inicio das aulas. Vão à secretaria saber dos horários, das salas etc. Livros na Danka! nem pensem. Mexam-se. Aproveitem e desloquem-se à grandes superficies e comprem os vossos lápis, canetas, blocas e borrachas.
Agora mais a sério. Se todos, mas todos, quiserem podemos fazer uma surpresa a um professor, por ex. o R. Rowland e aparecermos todos bem comportadinhos na primeira aula do 1º ano.
Mais uma vez fariamos a diferença. "Praxavamos" os caloiros e com especial carinho, transmitiamos ao professor, agora nosso colega - porra tambem somos os srs doutores -, o nosso muito obrigado por estes preteritos quatro anos. Pensem nisso. Um abraço a todos. jferraz


publicado por antmarte às 00:32
link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito

Quinta-feira, 1 de Setembro de 2005
Foi há 90 anos, perdão, há 90 dias
ad2.JPG

Sérgio Fonseca


publicado por antmarte às 19:44
link do post | comentar | ver comentários (5) | favorito

mais sobre mim
pesquisar
 
Julho 2006
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
21
22

23
24
26
27
28
29

30
31


posts recentes

Fora de órbita

Pensar o mundo ou transfo...

Não só uns chutos na bola

Da (falta de) educação

“Destak”

“Ou há justiça ou comem t...

Do Mundial ou 2ª época de...

Um livro, um amigo

Rectificação

Dia Mundial da Criança

arquivos

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

links
Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds